Cardápio da Noite Fora da Bolinha

img_20190815_175744_8212137751734393552083.jpgConfira o cardápio detalhado da Noite Fora da Bolinha, a sequência de antepastos do Ora Bolas Food Lab que ocorre nesta sexta, 23, às 20h, no Café do Museu – bistrô Antonieta, ao som de Ana Carpes e Gustavo Lopes.

☆ Cesta de pães de fermentação natural (campanha, ficelle, focaccia e grissini) com antepastos étnicos:
Tapenade verde / tapenade preto – pasta de azeitonas originária da França, com alcaparras, aliche e temperos. O nome vem do provençal tapeno, que significa alcaparras – em algumas receitas, a proporção desta é maior do que a de azeitonas
Matbucha (“salada cozida” em árabe) – antepasto marroquino de tomates com pimentão verde assado, alho, pimenta jalapeño e páprica picante, muito popular também em Israel, onde rivaliza até mesmo com o homus e babaganoush
Baigan bharta (ou “berinjela amassada”) – salada ou antepasto indiano originário da região de Punjab, mas muito popular em todo o país. Com berinjelas chamuscadas, tomates, pimenta verde e garam massala, entre outras especiarias, pode ser servido quente, morno ou frio, puro, com pães ou acompanhado de arroz ou raita (um tipo de iogurte com especiarias)
Ajvar – antepasto de pimentões vermelhos e berinjelas grelhados típico da região dos Bálcãs. Também conhecido por “salada sérvia” ou “caviar sérvio”, é servido como antepasto, para comer com pães ou vegetais grelhados, ou acompanhamento de pratos principais, como carnes e salsichas. Consta no livro 1001 Comidas para Provar Antes de Morrer

☆ Sequência harmonizada
Canapés:
• copa serrana com chutney de laranja kinkan no ficelle
• salame serrano com zuchinatta no ficelle
• gorgonzola no pão de cacau com gotas de chocolate amargo
• chutney de laranja kinkan no pão de cacau com gotas de chocolate amargo
Racletes (queijo derretido):
• queijo ementhal com Red Hot Chutney (pimenta e pimentão vermelhos)
• queijo serrano com chutney de cebola roxa
Bruschettas:
• pesto de manjericão com presunto cru crocante e queijo brie
• chutney de cebola roxa com gorgonzola
• chutney de tomate-cereja com mozzarela de búfala e manjericão

☆ Sobremesa:
• Trufas de chocolate belga (Bola 8 – 50% com baunilha e cacau; Goa Noir – 70% com especiarias e pistache)
• Convento Açoriano (doce conventual português)

Hoje (21/8) é o último dia para adquirir ingressos a R$40,00! Depois, se houver disponibilidade, o valor passa a R$45,00. A compra pode ser feita diretamente no Café do Museu – bistrô Antonieta (veja a localização) ou pelo link do PagSeguro no botão abaixo.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Por dentro da Noite Fora da Bolinha

Que tal saber um pouco mais sobre o cardápio da Noite Fora da Bolinha?

☆ Fixo, na mesa, com reposição sempre que necessário
• Cesta de pães de fermentação natural (campanha, ficelli, focaccia e grissini)
• Antepastos étnicos (tapenade verde, tapenade preto, matbucha, baigan bharta e ajvar)

☆ Sequência harmonizada
‒ Canapés:
• copa serrana com chutney de laranja kinkan
• salame serrano com zuchinatta
‒ Racletes
• queijo ementhal com Red Hot Chutney (pimenta e pimentão vermelhos)
• queijo serrano com chutney de cebola roxa
‒ Bruschettas:
• pesto de manjericão com presunto cru e brie
• chutney de cebola roxa com gorgonzola
• chutney de tomate cereja com mozzarela de búfala e manjericão

☆ Sobremesa:
• Trufas de chocolate belga (Bola 8 – 50% com baunilha e cacau; Goa Noir – 70% com especiarias e pistache)
• Convento Açoriano (doce conventual português)

E aí, deu vontade? Aproveite os últimos ingressos por R$35,00!! Adquira diretamente no Café do Museu ou via link do PagSeguro no botão abaixo. De 17 a 21/8 o valor passa a R$40,00, e depois a R$45,00.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Saiba mais sobre a linha de antepastos aqui.

Saiba mais sobre os pães de fermentação natural aqui.

Conheça os músicos da Noite Fora da Bolinha aqui.

Feitos um para o outro

Que tal conhecer um pouco mais o coadjuvante de peso da Noite Fora da Bolinha, que ocorre dia 23/8, às 20h, no Café do Museu?

Casca crocante, miolo macio e úmido, sabor levemente azedo. Essas são as características de um pão de fermentação natural que vão encantar você ao primeiro toque, a primeira mordida. Mas as vantagens dos pães de fermentação natural vão bem além do sensorial.

Os pães de fermentação natural apresentam menor índice glicêmico, o que garante saciedade por mais tempo. Também proporcionam uma digestão mais fácil e não fermentam durante o processo digestivo, não causando assim a sensação de peso no estômago nem a produção de gases. Além disso, proporcionam o equilíbrio da flora intestinal.

Outra vantagem dos pães de fermentação natural é a durabilidade maior. Podem ainda ser congelados inteiros ou fatiados, recuperando todas as suas características naturais após o reaquecimento.

Na Noite Fora da Bolinha, você poderá apreciar diversas harmonizações de diferentes pães, queijos e frios com os antepastos étnicos do Ora Bolas Food Lab. Os ingressos, a preços promocionais a R$35,00 até 16/8, estão à venda no Café do Museu ou pelo link abaixo do PagSeguro. De 17 a 21/8 o valor passa a R$40,00, e depois dessa data a R$45,00.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Confira o cardápio completo aqui.

Saiba mais sobre a linha de antepastos étnicos Fora da Bolinha aqui.

Conheça os músicos da Noite Fora da Bolinha aqui.

 

A estrela da Noite “Fora da Bolinha”

Apesar de não ser bolinhas, a linha de antepastos étnicos “Fora da Bolinha” é fiel à proposta original do Ora Bolas Food Lab: levar seus consumidores a uma volta ao mundo dos aromas e sabores. Pode se dizer até que é uma evolução natural, pois as almôndegas e bolinhos do Ora Bolas têm como inspiração pratos típicos do Brasil e outros países antes de ganhar o formato esférico. É fiel também à proposta de tornar mais práticos, saborosos e interessantes os encontros de amigos e família, por exigirem poucas louças e talheres, além de serem perfeitos para acompanhar cervejas e vinhos e alimentar uma boa conversa.

Na Noite “Fora da Bolinha”, que ocorre na sexta, 23/8, às 20h, no Café do Museu – bistrô Antonieta, os participantes poderão conhecer diversos antepastos produzidos artesanalmente pelo Ora Bolas Food Lab e formas de harmonizá-los com queijos, frios e pães de fermentação natural. Tudo acompanhado pelo melhor da MPB na voz de Ana Carpes e no violão sete cordas de Gustavo Lopes.

Os ingressos estão sendo vendidos antecipadamente por R$35,00 até 11/8. De 12 a 21/8 o valor passa a R$40,00 e após essa data, R$45,00. A compra pode ser feita diretamente no Café do Museu – bistrô Antonieta (localização) ou pelo link do PagSeguro no botão abaixo.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Confira o cardápio completo.

Saiba mais sobre os pães de fermentação natural.

Saiba mais sobre os músicos.

O som da Noite “Fora da Bolinha”

Na Noite “Fora da Bolinha”, sequência de antepastos do Ora Bolas Food Lab harmonizados com queijos, frios e pães de fermentação natural, os músicos Ana Carpes e Gustavo Lopes vão revisitar saudosas obras de Chico Buarque de Holanda, João Bosco, Tom Jobim, dentre outros grandes nomes da MPB. O evento ocorre no Café do Museu – bistrô Antonieta, dia 23/8, às 20h.

Ana iniciou como backing vocal na banda Farady, de reggae, em 1994, com quem abriu shows de “Ras Bernardo” (Brasil), “Pato Banton” (Inglaterra), “Burning Spear” (Jamaica) e “Cidade Negra” (Brasil). Como cantora e performer, atuou na banda Bernunça Elétrica ao lado do multiartista Valdir Agostinho, de 2010 a 2014.
Iniciou seus estudos em técnica vocal e canto com o tenor argentino Marcelo Villena, ingressando no Coral da UFSC como soprano, em 1998. Após participar da “Oficina dos Menestréis”, de Oswaldo Montenegro, atuou no musical “Lendas da Ilha”, de 2000, como cantora, atriz e bailarina. Dois anos depois foi soprano e solista no musical operístico “Um Sonho de Catharina”, de Charles Prochnow e Luísa Lampert, no papel da “Beata Maria”. De 2002 a 2005, integrou o Coro Lírico do “Polyphonia Khoros”, atuando como soprano nas óperas “Madame Butterfly” (2002), “Carmen” (2003), “Cavalleria Rusticana” (2004) e como solista mezzo-soprano da ópera “A Flauta Mágica” (2005). Ana complementou seus estudos em técnica vocal voltada para o canto lírico com a soprano Cláudia Ondrusek (2005) e com o tenor Fernando de Carli (2007).

Gustavo participa do cenário musical de Floripa acompanhando cantores do samba, bossa nova e choro, e também como professor de cavaco e violão. Já atuou também como diretor musical e instrumentista em escolas de samba tais como Embaixada Copa Lord, Protegidos da Princesa e Dascuia.
Instrumentista no violão de sete cordas, Gustavo iniciou seus estudos de violão clássico aos 12 anos de idade e aos 16 no cavaco e violão popular.

Os ingressos estão sendo vendidos antecipadamente por R$35,00 até 16/8. De 17 a 21/8 o valor passa a R$40,00 e após essa data, R$45,00. A compra pode ser feita diretamente no Café do Museu – bistrô Antonieta ou pelo link do PagSeguro no botão abaixo.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Confira o cardápio completo.

Saiba mais sobre a linha de antepastos ‘Fora da Bolinha”.

Saiba mais sobre os pães de fermentação natural.

Noite “Fora da Bolinha”, ao som de Ana Carpes e Gustavo Lopes

Na sexta-feira, 23/8, às 20h, o Café do Museu – bistrô Antonieta promove uma noite fora da bolinha! Ao som do melhor da música brasileira com a cantora Ana Carpes, acompanhada do violão sete cordas de Gustavo Lopes, os presentes poderão desfrutar de uma sequência de antepastos “Fora da Bolinha”, do Ora Bolas Food Lab, harmonizados com queijos, frios e pães de fermentação natural.

O cardápio da noite inclui:
• pães de fermentação natural: campanha, ficelli, cacau com gotas de chocolate amargo, focaccia, grissini e outros;
• queijos: gorgonzola, brie, ementhal, serrano e mozzarella de búfala;
• frios: salame serrano, copa serrana e presunto cru;
• antepastos: chutney de cebola roxa, Red Hot Chutney (pimenta e pimentão vermelhos), chutney de laranja kinkan, chutney de tomate cereja, tapenade verde, tapenade preto, matbucha, baigan bharta, ajvar e zucchinata;
• sobremesa: trufas de chocolate belga (Bola 8 e Goa Noir) e Convento Açoriano (doce conventual português).

Os ingressos, que incluem comida e couvert artístico, estão sendo vendidos antecipadamente por R$35,00 até 16/8. De 17/8 a 21/8, o valor passa a R$40,00. Após essa data, R$45,00. Adquira o seu diretamente no Café do Museu – bistrô Antonieta (rua Saldanha Marinho, 196 – anexo ao MESC) ou pelo link do PagSeguro no botão abaixo.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Confira o cardápio completo aqui.

Saiba mais sobre os músicos aqui.

Saiba mais sobre a linha de antepastos Fora da Bolinha aqui.

Saiba mais sobre os pães de fermentação natural aqui.

Quer Ora Bolas? Tem no Café do Museu!

No Café do Museu – bistrô Antonieta você encontra os produtos do Ora Bolas Food Lab, como o Chutney de cebola roxa e o Red Hot Chutney (chilli e pimentão vermelho), entre outros da linha “Fora da bolinha”, além das almôndegas gourmet, trufas e Ghriba (biscoito marroquino). Toda sexta também tem pão de fermentação natural à venda. Venha buscar o seu para levar para casa ou aproveite o ambiente agradável para saborear o seu Ora Bolas.

Sexta Pub

Nesta sexta, 15/3, no Café do Museu – bistrô Antonieta: porção de almôndegas de carne bovina (raça britânica) recheadas de queijo tipo Reino ao molho Stout com shiitake, acompanhada de pão de fermentação natural. Balde de cervejas a preço promocional: 3 Corujinhas (Coruja Lager long neck) por R$21,00 e 3 artesanais (Saintbier e Barco 600ml) por R$63,00.

O Café do Museu fica na rua Saldanha Marinho, 186, no Centro Histórico de Floripa.

À venda no Café do Museu

Os antepastos da linha “Fora da bolinha” do Ora Bolas Food Lab estão disponíveis no cardápio do Café do Museu e também para venda externa. Nesta semana temos três opções: Chutney de cebola roxa, Chutney de tomate cereja e Caponata, em vidros de 150ml, a R$15 cada. Também é possível encomendar (até quinta à noite) para retirada na sexta-feira, na saída da Escola Anabá, na banca do Rafael do Pão de Quê.

Primeiro desafio: superado!

Bruschetta de tomate e manjericão (foto de Bárbara Blotta)

Nessa sexta, 14 de setembro, vencemos nosso primeiro desafio como Café do Museu. Fomos responsáveis pelas comidas do café da manhã em comemoração ao aniversário de 3 anos do Centro Sapiens, instituição da qual temos orgulho de pertencer como incubados do CoCreation Lab e que está à frente de um belo projeto de revitalização do centro histórico leste de Florianópolis e de fomento à economia criativa. Na ocasião pudemos apresentar alguns itens do cardápio do Café do Museu, como bruschettas, quiches, tortas salgadas, bolos, pão de queijo e antepastos da linha “Fora da Bolinha”, além dos pães de fermentação natural da Sânia Fortunato. Agora é continuar se preparando para a abertura definitiva das portas, dia 1 de outubro!